Daniel Campos

Ou exibir apenas títulos iniciados por:

A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z  todos

Ordernar por: mais novos   título

Encontrados 142 textos. Exibindo página 3 de 15.

Ébrio de ilusão

Ela, coberta de disfarces, diz sem dizer
Disfarces onde a distância não permite o desnude.
Esconde-se em si e não há o que fazer
Exceto tentar acreditar em suas desculpas
Porque, quando longe e sem olhos, enche-se de desculpas.
Desculpas que ficam mais fortes durante a noite
Quando da euforia da expectativa
Faz-se o encontro com a voz.
Acontece o silêncio
Talvez ao tentar entendê-la
Somente pelas palavras, ditas inéditas,
Os sentidos, cinco ou mais, caem na exaustão...
continuar a ler


Comentar Seja o primeiro a comentar

Eclipse

Do hálito frio
De um beijo
Nasce a escuridão
Dois corpos perdidos
Dentro da separação
São calafrios
São medos bravios
São navios, navios
Se afastando
Na arrebentação
São partidas
São despedidas
Sãos as idas
E não vindas
De um coração
Separação
Por que me chegaste
A ponto de me absorver?
Por que me amaste
A ponto de me querer?
E me querendo
E me absorvendo...
continuar a ler


Comentar Seja o primeiro a comentar

06/04/2016 - Ecos

E quando fui pedra
Você foi água
E me escapou

E quando fui mato
Você foi fogo
E me queimou

E quando fui verão
Você foi inverno
E me afastou

E quando fui onda
Você foi vento
E me levou

E quando fui papel
Você foi corte
E me rasgou

E quando fui olhos
Você foi cega
E me acertou

E quando fui som
Você foi silêncio
E me calou ...
continuar a ler


Comentários Comentários (1)

27/12/2014 - Efeitos do calor

O calor dos trópicos
Escorrendo em suas costelas
O desejo em tópicos
Fazendo beijos pelas janelas
O suor do rei do ópio
Salgando a doce vida bela
Um samurai de Tóquio
Cortando a lua amarela


Comentar Seja o primeiro a comentar

Efemeridade

Vida
Quanto mais alegre
Mais triste se insinua.
Poço de incertezas
Equilíbrio torto
Fantasia ingênua,
De tamanha solidão
Sente saudade de si.
Tantas companhias quão o medo
Beleza e tristeza
Num gesto tímido
Num corpo aquém
Num olhar longínquo,
Distante e amante.
Envolvente,
Seduz e consome
Num emaranhado de sentimentos
Que passeiam pela alma
Infinita e aflita,
Frágil
E breve como o momento...
continuar a ler


Comentar Seja o primeiro a comentar

Egípcia

Distante
O sol escorria em seu corpo
Como um desenho egípcio
Os fios de cabelo inquietos
Revirados por um vento bandido
Que procurava o que se procura nos filmes.

Estaria quase muda
Se não fossem os gritos
Asfixiados
De prazer e dor.

Estaria quase sozinha
Se não fossem as companhias
Das alucinações
Que a mordiscavam.

Estava confusa
Com as linhas embaçadas
Como se fosse feita de areia...
continuar a ler


Comentar Seja o primeiro a comentar

01/05/2014 - Ei

Ei, porque eu tinha de ser seu
Andei milhares de quilômetros
Mudei a rota da minha vida
Rasguei os planos já traçados
E me declarei apaixonado
Sem medo e sem pudor
E então eu me fiz feliz
E se isso não for amor
Nada mais é
Nada mais sou...

Ei, porque eu tinha de ser seu
Eu me dispus a ficar nu
Com tudo o que sinto
Achei você pelo seu charme
Vasculhei o fundo e o cume
Do mundo até dizer:...
continuar a ler


Comentar Seja o primeiro a comentar

27/06/2015 - Ei canoeiro

Ei canoeiro, ô canoeiro,
Canoeiro canoando a fio
Dobrando a curva do rio
Com esse jeito trigueiro
Pelas correntezas do vazio
Benditas almas das águas
Que se mostram no arrepio
Pelo profundo e corrente
Leito que é a maternidade
E ainda a cova do canoeiro
Que nascendo e morrendo
Vai pelas águas de janeiro
Feito mais um mensageiro
Do que brota da terra e enche,
Preenche e corre como rio
De sentidos, sonho e saudade...
continuar a ler


Comentar Seja o primeiro a comentar

11/03/2017 - Ei, eu te amo assim

Com toda a verdade do meu ser, eu quero amá-la agora e por todos os instantes da minha vida independentemente se você estiver comigo ou não.

E, por amá-la dessa maneira, conjurar-lhe-ei o verbo cuidar com toda a dedicação e atenção merecidas e conquistadas por você.

Serei o seu cuidador, o guardião desse amor. Mas, por favor, entenda guardião como um zelador, pois esse amor não merece ser guardado, mas vivido em sua plenitude.

Não importa onde eu ou você estejamos, tenha a consciência de que eu estarei presente, querendo o seu bem, a sua felicidade seja ela com quem for. ...
continuar a ler


Comentários Comentários (1)

23/07/2015 - Eira

Fogueira
Nos olhos de quem me quer
E poeira
Nos olhos de quem não dá pé
Canseira
Amar esperando mais amor
Bobeira
Querer ser condor o beija-flor
Figueira
Não dá o que há na mangueira
E eira
É só um naco da terra de fato


Comentar Seja o primeiro a comentar

Primeira   Anterior   1  2  3  4  5   Seguinte   Ultima