Daniel Campos

Ou exibir apenas títulos iniciados por:

A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z  todos

Ordernar por: mais novos   título

Encontrados 28 textos. Exibindo página 3 de 3.

Grande amor

Acreditar num grande amor
Talvez seja uma tolice proporcional à crença.
Acreditar num grande amor
Talvez seja uma loucura paralela aos que juram pela existência dos duendes.
Aliás, quem vive um grande amor
Pode se considerar um pouco duende
Porque um grande amor se faz tão sobre-humano
Que foge à esfera humana.
Quantas as pessoas ao seu redor vivem um grande amor?
Um grande amor verdadeiramente grande
E conscientemente amor,
Quantas?...
continuar a ler


Comentar Seja o primeiro a comentar

17/10/2014 - Grande paixão

Eu sou da terra do grande cacique
Que a todos olha
Com emanação
Fazendo convite
Pra elevação
Dos atos e pensamentos
Pro mundo das estrelas
No alento
Da grande paixão


Comentar Seja o primeiro a comentar

25/12/2014 - Grandioso sol

O sol alaranjado
Tremulou como bandeira
No alto do céu
Aos olhos do sem eira nem beira
Deixado de lado
Pela vida sem véu

O sol esculachado
Gargalhou como hiena
No salão nobre
Aos olhos do sem cobre
Que vive abandonado
Pelo amor do poema

O sol desnaturado
Escarrou sua luz no mundo
Como um deus
Aos olhos descrentes já ateus
Que de alados
Rastejam pro fundo do fundo...
continuar a ler


Comentar Seja o primeiro a comentar

20/12/2013 - Grato

Por tanto e por todo amor
Por ser exatamente o que se é
Por ser minha amada
Minha namorada, minha mulher
Pelas horas indescritivelmente felizes
E pelas horas vazias que são preenchidas
Pelas lembranças da nossa felicidade
Em infinitos matizes
Por me demonstrar o real sentido das coisas
Pela entrega diária
Pelo sentimento aflorado
Por toda verdade
Pelos suspiros e suores
Por me dar o melhor dos melhores
Mundos para se habitar...
continuar a ler


Comentários Comentários (3)

23/07/2014 - Grávido de saudade

Dei pra ter tonteiras
E fortes enjoos
E já nem sangro mais
E não é porque sequei
Depois de rolar e rolar
Tantas lágrimas rubras

Estou completamente
Grávido de saudade
Ai, entranha suas mãos
Em mim e traga à luz
O que nesse tempo todo
Gestei sonhando contigo


Comentários Comentários (2)

17/02/2014 - Grito de amor

Receba, ò dona de mim,
Tudo o que eu sou
E pude ser por você
Sou seu namorado
Sim!
Sou seu marido
Sim!
Sou sim seu amado
Mais apaixonado
Por você!
Ò minha mulher
Dona, dona de mim
Em teus braços
Eu me faço
Realizado
E no teu passo
Faça de mim
O que bem quer:
Sou seu demônio
Aberto ao desejo;
Sou seu querubim
Voando num beijo...
Ò dona de mim...
continuar a ler


Comentar Seja o primeiro a comentar

Guardiã

Guardiã das minhas memórias
Mostra-me meu mundo
Ainda não descoberto
E o profundo
Que me habita
Mostra-me os caminhos
Passados, não tidos
Esquecidos
E o poder das nossas escolhas

Guardiã das minhas memórias
Mostra-me meu mundo
Que guardou e soprou
Em uma de suas bolhas
De sabão
Que voam e sobrevoam
Vidas e despedidas
Até se desmanchar
Ao chão do chão do chão...


Comentar Seja o primeiro a comentar

Guerra fria

Ela, coberta de espanto, diz sem dizer
Seus próprios disfarces
Esconde-se em si e não há o que fazer
Exceto tentar acreditar em suas desculpas
Porque, quando longe, enche-se de culpas
Que ficam mais fortes durante a noite.
Quando da euforia da expectativa
Faz-se o encontro com a voz
Que sabe quem sou sem nomes
Acontece o silêncio.
Talvez ao tentar entendê-la
Somente pelas palavras, ditas inéditas,
Os sentidos, cinco ou mais, caem na exaustão...
continuar a ler


Comentar Seja o primeiro a comentar

Primeira   Anterior   1  2  3